Fontes

[RP ABERTA] Talking about ink shit

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP ABERTA] Talking about ink shit

Mensagem por Johnny Cash em Ter Fev 02, 2016 7:35 pm

RP de interação entre Johnny Cash e Coraline Fitzpatrick (porém aberta a todos que se interessarem) acontecendo no estúdio de tatuagem do jovem no fim da tarde de uma sexta-feira.
Cenário: sala de espera // interior
avatar
Independentes
Localização :
Babylon

Mensagens :
15

Dólares :
3197

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP ABERTA] Talking about ink shit

Mensagem por Johnny Cash em Ter Fev 02, 2016 7:38 pm

Olhou no relógio no alto da parede, nervoso, e os ponteiros marcavam 16:45, ainda não haviam passado nem dois minutos desde a última vez que olhara; para uma sexta-feira, o movimento hoje estava lastimável. Havia feito apenas uma tatuagem naquele dia, logo após o almoço, uma frase numa moça que tinha o poder de soltar espinhos; pensa num cara que literalmente deu sangue pelo trabalho. Seus braços estavam com alguns pequenos furos e arranhões, parecia que ele tinha exagerado um pouco na acupuntura.

Calçava um tênis preto, vestia uma calça jeans bege e uma camiseta branca de mangas pretas escrito "Humans are weak" na frente - geralmente suas camisas continham estampas que faziam apologia ao preconceito contra humanos "normais". Como ainda estava no início dos trabalhos em seu estúdio, Johnny não tinha funcionários; era ele o tatuador, o faxineiro, o recepcionista e o administrador, e, pra falar a verdade, ele até achava melhor assim. Não gostava muito da ideia de ter que depender de outras pessoas pra nada, mesmo que essa pessoa estivesse recebendo pra isso.

Se afundou no tédio... Caminhou até a porta do estúdio, pegou um cigarro no bolso traseiro esquerdo e acendeu-o usando uma pequena chama de fogo liberada de seu dedo indicador; só depois de acender o cigarro olhou em volta para constatar que ninguém havia notado. Era às vezes meio descuidado nesse sentido, mas, apesar de pouco se importar se alguém o visse usando seus poderes, Johnny não queria que isso acontecesse em seu local de trabalho, principalmente porque só aceitava trabalhar com mutantes ali - e em qualquer lugar da vida.

Terminou de fumar o cigarro com poucos tragos, passou a mão na calça pra disfarçar o odor da nicotina, foi até o frigobar que tinha escondido atrás do balcão da recepção e pegou uma cerveja; abriu-a e deu um longo gole, parando para respirar. Caminhou lentamente até o sofá da sala de espera e sentou-se ali, bufando de tédio entre um gole e outro e pensando que se demorasse muito pra chegar um cliente ele fecharia a loja pra curtir a boemia da sexta-feira nova-iorquina...
avatar
Independentes
Localização :
Babylon

Mensagens :
15

Dólares :
3197

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum