Fontes

[BACKGROUND] Hans Boylër - Agente Zero

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[BACKGROUND] Hans Boylër - Agente Zero

Mensagem por Hans Boylër em Ter Jan 10, 2017 7:34 pm

Zero
31 anos
Estaduniense
humano modificado
SHIELD
Agente Zero
Leal/Mal
Descrição física
Hans é um homem com ar de misterioso e sério e neutro, ele possui um corpo físico bem definido graças ao seu treinamento militar, possui olhos castanhos claro e cabelo castanho escuro liso, pele caucasiana com 75 kg distribuídos em 1,85 de altura, quando utiliza seus poderes telecinéticos seus olhos ganham um brilho cor de mel. Hans é belo e sedutor, porém em contrapartida mostra em seu rosto uma pessoa que sofreu muito para chegar aonde está agora.
PERSONALIDADE

Hans é uma pessoa quieta e introvertida não gosta muito de se socializar, balada então nem em sonhos somente e for acompanhado por alguém, ele se isolou inicialmente para tentar não ferir as pessoas com suas habilidades, mas depois passou a ver suas habilidades como uma dadiva e passou a usa-los para ajudar os outros, mesmo não se lembrando de sua origem, apenas lembra-se de estar no hospital próximo da fronteira com o Canadá próximo ao rio Niágara, algumas pessoas do mundo o enxergar como um vigilante que fazia justiça com as próprias mãos enquanto outros o veem como uma pessoa que zela pelos outros.
Hans é pouco comunicativo, apenas fala quando acha que sua opinião deve ser válida, sempre centrado, não costuma se gabar de seus poderes se tornou ainda mais objetivo após entrar na SHIELD.
HISTÓRIA


A Origem

Hans nasceu no inverno de 1986, filho de imigrantes alemães de Boston Massachusetts, teve uma infância normal como todas as outras crianças, cresceu vendo alguns de seus amigos sendo discriminados por serem mutantes, até seus pais por receio ou até mesmo medo o impediam de ver esses amigos, mas Hans não se importava com isso e sempre que possível se encontrava com seus amigos.
Certo dia quando Hans tinha 12 anos um dos seus amigos se descontrolou na hora do intervalo, quando o mesmo era agredido por um pequeno grupo de alunos, quando Hans vou em direção para ajudar, seu amigo explodiu em energia liberando uma onda de destruição, vinte adolescentes morreram e Hans ficou gravemente ferido, ficando vários meses internado logo após a sua saída ele e sua família se mudaram para Nova Iorque para tentar uma nova vida.

Um novo lar a difícil adaptação

A chegada de Hans no distrito de Manhattan, o mesmo estranhou o local, mesmo com o passar dos dias ele não conseguia se adaptar, seus pais desconfiaram que era algum tipo de trauma recorrente ao ocorrido em Boston, Hans foi levado para fazer tratamento psicológico. O tratamento durou dois anos, depois desse período Hans começou a se adaptar melhor tanto ao bairro quanto na escola começou a fazer novos amigos aparentemente voltou ao normal, porem o jovem não esqueceu o que ocorreu, apenas decidiu seguir em frente.
Até chegar a idade de dezesseis anos, Hans participou de vários eventos da escola, chegou até mesmo a fazer teatro, porém sem futuro, era um amplo defensor dos direitos dos mutantes, quando seus pais tentaram incentiva-lo a deixar de lado a causa mutante ele optou em entrar para o exército americano, o que deixou seus pais apavorados.
Mesmo com a desaprovação de seus pais, Hans entra para o exército numa tentativa de mudar a sua percepção de mundo.

A transformação de Hans

Quando Hans entrou no exército logo tomou o choque de realidade, e inicialmente ele queria largar, mas graças ao novo amigo Thomas um recém-chegado também o motivou a ficar e ambos ficaram muito amigos e faziam quase tudo junto, eram do mesmo pelotão.
E esse pelotão ao logo de dez anos se tornou o melhor regimento por conta da dupla Hans como um estrategista e Thomas como um exímio atirador, logo a dupla foi convidada a fazer parte de um pelotão de elite do exército chamado apenas de “X”, nesse grupo Thomas e Hans descobriram o amor, mas se mantinham sua relação em segredo por medo das represarias que poderiam ocorrer por conta da rígida doutrina militar.
A relação dos dois durou pouco mais de seis meses, pois em uma das missões no golfo pérsico Thomas foi morto em missão por um mutante, o que deixou Hans em estado de ira e iniciou uma caçada aos assassinos de seu amor, mesmo sem a autorização de seu líder ele foi, caçou e matou cada um deles, por conta disso quase foi levado a corte marcial, mas graças ao Coronel Fitzgerald ele foi levado para o P.C.H. um projeto secreto militar, Hans foi convidado graças as suas habilidades de estratégia que o levaram a derrotar seus inimigos.
O jovem aceito participar do projeto que tem como principal foco desenvolver poderes em humanos, para se vingar.

O Nascimento de Zero o Super Soldado

Hans se submeteu ao projeto de complementação humano, no jovem foi injetado uma grande quantidade de robôs através do “pico tecnologia”, mil vezes menor que a nano, após quinze minutos de processo os poderes de Hans começaram a se desenvolver e para a surpresa do Coronel Fitzgerald eram habilidades telecinéticas, isso surpreendeu os cientistas pois até aquele momento o projeto apenas tinha catalogado habilidades voltadas a super força, velocidade, resistência e junções delas porém um efeito colateral foi que Hans perdeu totalmente a memória o que ajudou Fitzgerald a agregar Hans como o soldado Zero, o primeiro da safra de habilidades mentais. Hans passou a ser chamado de Zero pelos membros do projeto, que começaram a liberar suas habilidades mentais e a caba missão as habilidades dele ficavam mais fortes o que indicava que os picos robôs que estavam no corpo de Zero continuava a evolui-lo isso era bom, mas até quando, perguntava Fitzgerald.
Depois de um ano e meio fazendo missões e sendo usado como uma marionete pelos membros desse projeto, o mesmo não se lembrava e com isso suas memórias eram sempre programadas para melhor atender ao projeto, certo dia em uma missão no leste Europeu o mesmo estava lutando contra um grupo de terroristas quando uma bomba explodiu fazendo-o ser arremessado contra um carro, mesmo com seu poder telecinético ativo Zero bateu a cabeça violentamente e com isso um pouco das suas lembranças voltou, o suficiente para fazê-lo se lembrar das barbáries que ele fez nas missões, quando voltou para o quartel general, os cientistas descobriram que sua mente não estava mais resetando e descobriu que o projeto era patrocinado pelo I.M.A. após investigações internas, Fitzgerald ficou decepcionado ao saber das descobertas de Zero que agora lembra que seu era Hans, apenas Hans, e ele utiliza seus poderes para fugir do quartel general indo em direção a uma floresta que circundava a base mesmo se ferindo na fuga o jovem desmaia no meio da floresta.
Depois de um tempo Hans acorda em um hospital na fronteira do estado de Nova Iorque com o Canadá o mesmo estava quase todo enfaixado, os enfermeiros faziam diversas perguntas, mas depois desse desmaio a memória dele estava muito debilitada ele mesclava o seu nome entre Zero e Hans, nessa mesma noite Hans foge do hospital com medo de ser perseguido pelos cientistas, ele parte com uma única coisa em mente ir para a ilha de Manhattan, alguma coisa em sua mente guiava ele para aquela região.

Nascimento do Vigilante Zero

Após algumas semanas sendo um mochileiro, e praticando pequenos furtos para sobreviver Hans se denominou como Zero no percurso até Manhattan, ao chegar na cidade decide residir no brooklyn vivendo entre os becos, tentando se esconder das pessoas com medo do que ocorreria se elas descobrissem suas habilidades, viveu dessa forma por longos seis meses, mas quando viu um jovem casal sendo assaltado algo em sua conturbada e vazia mente o fez agir, ele foi contra o bandido utilizando seus poderes depois de muito tempo, ele salva o casal que assustado corre de medo e Zero percebe que pode ajudar as pessoas, e passa então a viver como um vigilante protegendo as pessoas do brooklyn contra bandidos e traficantes, suas investidas contra o crime começaram a chamar a atenção dos grandes chefões do crime assim como de uma organização muito poderosa, a SHIELD.

Um novo recomeço: O Agente Zero

Com a fama de um vigilante com habilidades agindo no brooklyn, fez com que a SHIELD agisse em interceptar esse vigilante, porem o que Zero não sabia era que uns dos chefões do crime organizado armou uma armadilha contra o jovem, mas por sua falta de memória o limitou a perceber a ameaça iminente e o mesmo acabou caindo na armadilha do chefão do crime sendo salvo pelos agentes da SHIELD que interceptaram ligações desse grupo criminoso.
Zero foi levado para o Helicarrier para ser interrogado, e ao perceberem que o jovem não tinha lembrança nenhuma sobre seu passado apenas se lembrava do no Zero e do evento da floresta e do hospital, Nick Fury fendo o potencial dele o convida para entrar para o hall de agentes, porém ele deveria passar por um treinamento árduo e pesado, para aprimorar seus poderes e tentar relembrar seu passado, Zero aceito meio desconfiado e no dia seguinte ele iniciou e treinamento, no decorrer do mesmo ele mudou drasticamente sua aparência, Zero começou a se lembrar de suas táticas de lutas, porém não sabia como tinha aprendido suas lembranças estavam fracionadas, mas estava determinado a se lembrar.
Com o passar de pouco mais de um ano, Zero se destacou no treinamento revelando que já havia passado por um treinamento árduo, Nick Fury logo o promoveu para agente o que surpreendeu a todos, logo o Agente Zero já estava na ativa ao lado de Maria Hills ele atuava em missões para a SHIELD, finalmente Zero estava em um novo começo, mas seu passado era uma incógnita que logo seria revelado.

OBJETIVOS/MOTIVAÇÕES

Após ficar muitos anos se escondendo por conta de suas habilidades, Hans decidiu utilizar seus poderes para o bem e como vigilante foi recrutado depois de um bom tempo de busca foi recrutado pela SHIELD, com esse evento ele está conseguindo realizar suas idealizações de proteger as pessoas com seus poderes, Segundo é descobrir o seu passado, o que aconteceu com ele, pois  única lembrança dele é de estar em uma floresta, ele quer descobrir seu passado, somente em relação a seu passado ele abriria mão por uma causa maior.
PREFERÊNCIAS
Gosta de ler livros e praticar esportes e exercícios físicos, comer comida de restaurantes ou caseiras e também comida prontas como hamburguês e pizzas e sucos naturais e frutas. Além de praticar o autocontrole de seus poderes. Tem preferência por homens.
EXTRAS E LINHA DO TEMPO

03 de fevereiro de 1986 (segunda-feira) – Nascimento de Hans.
12 de março de 1998 (quinta-feira) – Atentado na Escola Kaplan onde matou 20 alunos e deixando Hans gravemente ferido.
17 de julho de 1998 (sexta-feira) – Mudança para Manhattan numa tentativa de se refazer após o atentado.
23 de novembro de 1998 (Segunda-feira) – Hans é indicado a passar por tratamento psicológico por conta do atentado.
08 de maio de 2000 (Segunda-feira) – Encerra o tratamento de Hans, logo ele volta a uma vida tranquila.
20 de agosto de 2002 (terça-feira) – Hans anuncia que irá entrar para o exército, deixando seus pais apavorados.
18 de novembro de 2002 (segunda-feira) – Hans entra para o exército, e leva um choque, uma semana depois já queria abandonar, foi então que conheceu Thomas no dia 25 do mesmo mês tornando-se grande amigos.
11 de abril de 2012 (quarta-feira) – Hans e Thomas são convidados a fazer parte do pelotão de elite denominado apenas de “X”.
10 de junho de 2012 (terça-feira) – Hans e Thomas descobrem o amor entre eles durante uma das missões do pelotão e começam um relacionamento em segredo.
03 de dezembro de 2012 (segunda-feira) Thomas é emboscado e morto em uma missão do pelotão no golfo pérsico por um mutante, deixando Hans com sede de vingança.
09 de fevereiro de 2013 (Sábado) – Hans conclui sua vingança e mata todos os envolvidos na morte de Thomas, no dia 11 do mesmo mês é levado para ser julgado, o Coronel Fitzgerald intervém e leva Hans para o P.C.H. (Projeto de complementação Humano) evento esse ocorrido no dia 13 do mesmo mês.
18 de março de 2013 (segunda-feira) – Hans após uma série de exames foi submetido ao procedimento de complementação com a intenção de despertar o Gene X de Hans, o que acaba ocorrendo com sucesso liberando seus poderes telecíneticos, porem os cientistas descobrem que o processo apagou por completo a memória de Hans ele é nomeado de Zero.
26 de setembro de 2014 (sexta-feira) – Hans em uma das missões sofre um atentado que triga sua mente fazendo-o se lembrar das coisas ruins que ele fez no período em que estava no projeto, no dia 02 de outubro (quinta-feira) ele confronta os membros do projeto e inicia sua rebelião, fugindo para a floresta próxima a base.
23 de outubro de 2014 (quinta-feira) – Hans chega em Manhattan como mochileiro porem sem lembrança, mas ele opta em ir para o brooklyn para se esconder.
29 de abril de 2015 (quarta-feira) – Hans se torna um vigilante após ajudar um casal que estava sendo assaltado.
15 de outubro de 2015 (quinta-feira) – Hans sofre uma emboscada, mas é salvo pelos agentes da SHIELD sendo levado para o Helicarrier aonde é interrogado e convidado para se tornar agente as SHIELD sendo aceito por Hans depois de um pouco de tempo analisando a proposta, o treino foi iniciado no dia seguinte.
09 de novembro de 2016 (quarta-feira) – Hans se forma e se torna o Agente Zero, até a data atual está ativo como um dos agentes que reportam diretamente a Maria Hills.

FÍSICO OCUPADO: NAGISA — KANTOKU
LU


Localização :
Desconhecida

Mensagens :
6

Dólares :
126

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [BACKGROUND] Hans Boylër - Agente Zero

Mensagem por Sábia em Qui Jan 12, 2017 4:11 pm

Ficha aprovada.

Recebe 210 PF's e tem direito a começar no nível 2, pode fazer a ficha de de status, também está liberado para a postagem de RP's.
Admin
Localização :
--

Mensagens :
22

Dólares :
1783

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum